Conteúdo sindicado
EUA
Tropas peshmerga curdas combatendo o Estado Islâmico
09/08/2014 - Iraque

Com apoio dos EUA, Iraque se prepara para recuperar território

Forças federais e curdas do Iraque se preparam para recuperar o território perdido para os jihadistas, conforme os bombardeios americanos vão abrindo caminho.
As forças curdas dos peshmergas patrulham durante operação contra o Estado Islâmico no norte do Iraque nesta quinta-feira (7).
08/08/2014 - EUA/Iraque

EUA iniciam ataques aéreos contra jihadistas no Iraque

Os Estados Unidos se envolveram diretamente no conflito no Iraque pela primeira vez desde a retirada de suas tropas do país em 2011, ao bombardear nesta sexta-feira (8) as posições dos combatentes jihadistas no Curdistão iraquiano.

O chefe de governo da Argentina, Jorge Capitanich.
04/08/2014 - Argentina/calote

Argentina vai acionar SEC nos EUA depois de declarar moratória parcial

Acusando os fundos abutres de manobras fraudulentas, a Argentina decidiu acionar a autoridade que regula as operações da bolsa nos Estados Unidos (SEC). O anúncio foi feito nesta segunda-feira (4) pelo chefe de governo argentino Jorge Capitanich.

Sangue próximo ao portão da escola atacada hoje em Gaza.
03/08/2014 - Israel/Faixa de Gaza

ONU, EUA e França condenam ataque a escola em Gaza

O bombardeio de mais uma escola em Gaza levou os Estados Unidos, um dos apoiadores históricos de Israel, a fazer uma das mais duras críticas ao país aliado desde que o atual ...
Fumaça se eleva acima da cidade de Gaza após ataque aéreo israelense neste sábado (12).
12/07/2014 - Israel/Palestinos

França, Inglaterra, Alemanha e EUA vão discutir cessar-fogo em Gaza

O ministro britânico das Relações Exteriores, William Hague, anunciou neste sábado (12) que discutirá a possibilidade de um cessar-fogo na Faixa de Gaza com os chanceleres norte-americano, francês e alemão, durante a reunião sobre o programa nuclear iraniano neste domingo em Viena. A ofensiva militar israelense contra o território palestino já deixou em cinco dias ao menos 127 mortos.

O presidente norte-americano, Barack Obama, anunciou nesta quinta-feira (19) que seu governo vai enviar conselheiros militares ao Iraque.
20/06/2014 - EUA/Iraque

EUA vão ajudar Iraque a combater ofensiva jihadista

Os Estados Unidos decidiram ajudar o Iraque a combater a ofensiva dos jihadistas do grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante com o envio de conselheiros militares. O presidente norte-americano, Barack Obama, enfatizou que os americanos não voltarão a lutar no Iraque. Ele também pediu que o Irã evite tomar medidas que encorajem divisões sectárias.

Vista da capital angolana, Luanda
31/05/2014 - Angola

Angola e EUA reforçam cooperação

Chegou hoje a Angola presidente do Banco de Importação e Exportação dos Estados Unidos, Fred Hochberg, uma visita oficial de três dias marcada essencialmente pelas questões económicas e pelo reforço bilateral entre os dois países. 

Clayton Lockett, de 38 anos, condenado à pena capital, morreu de ataque cardíaco mais de 40 minutos depois de receber a injeção
30/04/2014 - EUA/pena de morte

Condenado à morte agoniza 43 minutos durante execução nos EUA

Um preso condenado à morte que recebeu uma injeção letal numa prisão em Oklahoma nesta terça-feira (30) agonizou durante 43 minutos e acabou morrendo de infarto. O motivo seria um problema na administração do medicamento, relançando o debate sobre os métodos utilizados para aplicar a pena capital.

Soldados ucranianos montam guarda fora da cidade de Slaviansk neste domingo (27); o exército ucraniano tenta isolar esse reduto dos separatistas pró-russos.
27/04/2014 - Ucrânia/Crise

Obama pede que Rússia pare com "provocações" na Ucrânia

O presidente norte-americano, Barack Obama, alertou neste domingo (27) que a Rússia deve cessar suas "provocações" na Ucrânia. Se isso não acontecer, novas sanções serão inevitáveis. A tensão no leste da Ucrânia chegou a seu ponto culminante depois do sequestro de uma equipe de observadores da OSCE (Organização para a Segurança e a Cooperação na Europa), que estão detidos em Slaviansk.

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov.
23/04/2014 - Rússia/Ucrânia

Rússia volta a ameaçar Ucrânia e critica Estados Unidos

Menos de uma semana depois da obtenção de um acordo em Genebra, o chanceler russo, Serguei Lavrov, disse nesta quarta-feira (23) que a Rússia reagirá se seus interesses na Ucrânia forem prejudicados. O ministro das Relações Exteriores citou o exemplo da intervenção militar na Geórgia, em 2008, depois de Moscou reconhecer dois territórios separatistas no Cáucaso.

Close