Conteúdo sindicado
Egito
Na Igreja de Mar Girgis no Cairo as cerimônias foram presididas por Teodoro II, Papa da Igreja Ortodoxa Copta de Alexandria.
07/01/2014 - Egito/Cristãos

Coptas do Egito festejam Natal sob forte esquema de segurança

Os coptas do Egito festejam nesta terça-feira, 7 de janeiro de 2014, o Natal sob um forte esquema de segurança. A proteção reforçada visa evitar novos ataques contra a maior comunidade cristã do Oriente Médio. Após a queda do presidente Mohamed Mursi no ano passado, os cristãos do país foram alvo de militantes islâmicos.

Manifestante egípcio carrega cartaz com foto do presidente destituído Mohamed Mursi, durante manifestação no Cairo, no dia 27 de dezembro de 2013.
02/01/2014 - Egito/Justiça

Mohamed Mursi será julgado neste mês e pode ser condenado à morte

O presidente egípcio destituído em julho de 2013, Mohamed Mursi, será julgado no dia 28 de janeiro, junto com outras 130 pessoas, entre eles 70 integrantes dos grupos islâmicos Hamas e Hezbollah. Eles são acusados de uma fuga carcerária em massa, que ocorreu durante a revolução popular que derrubou o ditador Hosni Mubarak em 2011. A informação foi divulgada nesta quinta-feira, dia 2 de janeiro, pela Justiça do Egito.

Hollande é recebido pelo príncipe Salman ben Abdel Aziz em Rawdat Khurayim
29/12/2013 - França/Hollande no Oriente Médio

Na Arábia Saudita, Hollande discute comércio e crises regionais

O presidente francês François Hollande aterrissou neste domingo na Arábia Saudita, onde deve discutir futuros acordos comerciais e as crises políticas e sociais no Oriente ...
Estudante da Universidade Al-Azhar atira pedra contra policiais
28/12/2013 - Egito/Manifestações

Um estudante morre e quatro ficam feridos no Cairo

No Egito, um estudante morreu e quatro ficaram feridos neste sábado em choques entre as forças de segurança e partidários da Irmandade Muçulmana, confraria do presidente deposto Mohamed Mursi. O confronto aconteceu no campus da Universidade Al-Azhar, no Cairo, conforme os policiais tentavam dispersar estudantes que bloqueavam a entrada de salas de provas.

Manifestantes pró-Irmandade Muçulmana protestam contra o governo militar egípcio, no Cairo, nesta sexta-feira, dia 27 de dezembro de 2013.
27/12/2013 - Egito/Violências

Confrontos entre polícia e manifestantes deixam ao menos 3 mortos no Egito

Violentos confrontos entre manifestantes e as forças de ordem resultaram em 3 mortos no Egito, nesta sexta-feira, dia 27 de dezembro. Ao menos 265 integrantes da confraria Irmandade Muçulmana, classificada pelas autoridades como um grupo terrorista desde o início desta semana, foram presos nos protestos que estão proibidos pelo governo.

Ônibus que foi alvo de atentado à bomba perto da Universidade de Al-Azhar, no Cairo, é filmado por jornalistas nesta quinta-feira, 26 de dezembro de 2013.
26/12/2013 - Egito/crise

Explosão em ônibus deixa 5 feridos no Cairo

Uma explosão dentro de um ônibus na capital egípcia deixou cinco pessoas feridas e um segundo artefato foi desativado nesta quinta-feira, de acordo com autoridades locais.
Manifestações organização pela Irmandade Muçulmana foram proibidas pelo governo egípcio.
26/12/2013 - Egito/Terrorismo

Irmandade muçulmana é declarada organização terrorista no Egito

O governo egípcio declarou oficialmente nessa quarta-feira, 25 de dezembro, a Irmandade Muçulmana como “organização terrorista”.
Manifestações a favor do presidente egípcio deposto Mohamed Mursi, no bairro de Rabaa, no Cairo, na quarta-feira (3).
24/12/2013 - Primavera a perigo

Queda de Mursi foi golpe militar ou revolução popular?

Um dos países protagonistas da chamada Primavera Árabe, o Egito é também a prova de que as revoltas que eclodiram em 2011 estão longe de consolidar poderes ...
Escombros da violenta explosão de um carro-bomba no complexo policial na cidade de Mansoura, no norte do Egito.
24/12/2013 - Egito/Atentado

Atentado deixa 14 mortos e uma centena de feridos no Egito

Um violento atentado na madrugada desta terça-feira, 24 de dezembro de 2013, resultou na morte de 14 pessoas e deixou uma centena de feridos na cidade de Mansoura, no norte do Egito. A polícia ainda investiga o incidente, mas o governo egípcio já responsabilizou a confraria islâmica Irmandade Muçulmana pelo ataque.

Manifestantes da Irmandade Muçulmana, pró-Mursi, durante violentos embates com a polícia egípcia, no Cairo, em foto do dia 20 de dezembro de 2013.
23/12/2013 - Egito/Crise política

Mais de 450 presos da Irmandade Muçulmana iniciam greve de fome

A Irmandade Muçulmana anunciou nesta segunda-feira, 23 de dezembro de 2013, que mais de 450 de seus integrantes presos no Egito começaram uma greve de fome para denunciar sua detenção. Eles são partidários do presidente islâmico Mohamed Mursi, deposto pelo exército no início de julho.

Close